Fechar

Novidades para seu celular

0 notes

Como morrem os celulares - um estudo realizado pela Pitzi

Números inacreditáveis por trás dos celulares quebrados

Atualmente no Brasil, temos mais de 250 milhões de celulares. Quase o dobro da população do país. Se você se chocou com esse número, é certeza que vai se surpreender ainda mais com os resultados do estudo realizado pela Pitzi contando com mais de 1000 participantes.

Com o objetivo de entender mais sobre a experiência dos consumidores em relação a seus celulares, o estudo foi desenvolvido envolvendo uma ampla base de clientes do Clube e também utilizou ferramentas disponibilizadas por algumas redes sociais.

A surpresa é que o estudo revelou números absurdos sobre quebras, furtos, perdas, tipos de acidentes, e muito mais.

Confira o infográfico abaixo e fique por dentro

image

Embed e Compartilhe este Infográfico:


<img src=https://s3.amazonaws.com/cdn.pitzi.com.br/infographic_Pitzi.png width=520 height=1400 /> <br> Veja o artigo completo: <a href=http://blog.pitzi.com.br/post/44803503253/como-morrem-os-celulares-um-estudo-realizado-pela title="Principais causas de mortalidade de Celulares" style="color:#185daa;text-align:left"> Principais causas de mortalidade de Celulares </a>

Os 5 acidentes mais comuns com celulares

Quando você vê uma tela super rachada, imagina algo mirabolante. Um arremesso de metros e tal. Mas não: 78,4% das pessoas deu bobeira e deixou seu celular cair das próprias mãos, simples assim. 37,9% derrubou do próprio colo, enquanto 34,5% derrubou da mesa. Já os problemas com líquidos se dividiram entre 22% de pessoas que derramaram algum líquido no celular e 14,5% que deixou o podrezinho cair em uma piscina e/ou privada.

E sabe o que é o mais interessante? 57,01% dos entrevistados já passou por 2 ou mais desses tipos de acidentes.  

Quem são as pessoas mais desastradas?

O senso comum tende a dizer que as mulheres são mais cuidadosas, né? Ao mesmo tempo, o estudo revelou números curiosos nesse quesito:

Enquanto 32% dos homens deixou seu celular cair da mão, isso aconteceu com 38,6% das mulheres. Provavelmente porque as mulheres gesticulem mais, ou façam mais coisas ao mesmo tempo.

Cair do colo se mostrou um acidente super feminino, pois aconteceu somente com 11,6% dos homens em oposição às 22,1% das ocorrências com as mulheres. Será que acidente relacionado a colo tem a ver com o instinto materno?

Curioso é que 17,4% dos homens teve sua tela trincada, enquando só 14,6% das mulheres passou por isso. Deve ser porque a porcentagem de homens que usa capinha e película é mais baixa que de mulheres.

E o que as pessoas fazem quando quebram seus celulares?

O conserto é tão caro, que a maioria das pessoas usa seus celulares quebrados mesmo, esse número soma 74% dos entrevistados.

Engraçado é que, desses, 37% opta por rezar muito e/ou usar fitas adesivas e colas pra ajudar a continuar usando o aparelho. Rsrsrs.

Só 22,27% das pessoas recorreu a uma assitência técnica.

É… não tá fácil pra ninguém…

 

Você já quebrou um celular? Como foi? E o que fez????

————————————

www.pitzi.com.br

Voltar ao Topo