A melhor câmera de smartphone é a do Samsung S9 Plus

Especificações premium e desempenho superior

segundo o site DXOMARK,o novo Samsung S9 Plus desbancou o google pixel 2, e derrubou o iPhone x para a terceira posição de smartphones com melhor câmera

Todo ano o público permanece na expectativa para o lançamento do novo smartphone da Samsung. A competição acirrada entre as marcas no mercado forçam as empresas a inovarem cada vez mais na produção de seus aparelhos, e uma das características mais cobiçadas é a câmera do smartphone, tanto a frontal quanto a traseira.

Novamente a Samsung se superou nesse quesito e conquistou o primeiro lugar no site DxOMark, referência em qualidade de imagem.

As câmeras têm 12 megapixels, a principal com um sensor de 1/2.55 polegadas e abertura de lente variável de f/1.5 a f/2.4, e a frontal com sensor de 1/3.6 polegadas e 2x capacidade de zoom e abertura de lente f/2.4, além da capacidade de gravar vídeos em 4k a 60 fps (quadros por segundo) – o modo super slow motion grava em 720p a 960 quadros por segundo.

O que fez a diferença

Com a câmera dupla e abertura variável na lente da câmera principal, em condições onde o ambiente está pouco iluminado, a câmera usa um diafragma de f/1.5 de abertura para maximar a captura de luz. Além disso o aparelho tem um zoom óptico duas vezes maior na câmera secundária e um modo de super slow motion que grava a 960 fps, garantindo uma imagem mais clara.

Luz forte

Nota-se a presença de cores fortes e pouquíssimo ruído na imagem

Uma das características mais marcantes das câmeras dos smartphones Samsung são as cores fortes. Neste caso, a câmera permite excelentes resultados à exposição de luz forte, diminuindo os ruídos na imagens sem comprometer o nível de detalhamento. Apesar do auto-foco não ser o mais rápido já testado pelos especialistas, esse detalhe acaba não sendo um problema para os usuários.

Sob pouca luz e com flash

A foto mostra uma sala com uma longa mesa branca mais ao canto direito, uma série de gabinetes brancos ao fundo

Ainda sob baixa exposição, as cores são vívidas e as texturas continuam boas.

Nota-se uma redução nos detalhes, como já é esperado de uma câmera sob essas condições de luz, já que o aparelho precisa aumentar a sensibilidade e/ou usar a tecnologia de multiframe (múltiplos quadros) para se adaptar aos baixos níveis de luz. Os especialistas notaram um pequeno problema de baixa exposição em um dos testes realizados, mas ressaltam que é algo que só é possível perceber dentro do estúdio específico para tais testes, e que na vida real este problema é imperceptível.

Já quando a luz é muito baixa, o flash de LED da câmera pode salvar a foto, com um balanceamento de detalhe vs. ruído de imagem tão bom quanto uma foto tirada sem o flash. O único contraponto encontrado pelos especialistas é a tendência da câmera de acabar produzindo olhos vermelhos por conta da luz.

A magia do Zoom 

Aplicando o zoom 4x, o resultado do Samsung S9 ainda é impressionante. Um dos pontos importantes considerados pelos técnicos na realização desse teste foi a ‘limpeza’ da imagem em comparação com a que foi feita com os outros dois aparelhos. 

Um total de 9 testes foram realizados para classificar o desempenho da câmera. Você pode ver a nota de cada uma das categorias na foto abaixo:

O Samsung S9 Plus venceu o ex-primeiro lugar Google Pixel 2 por apenas 1 ponto. Por quanto tempo o S9 conseguirá manter-se nesta posição?

Qual é a câmera de smartphone mais poderosa hoje?

Nem iPhone, nem Samsung

segundo o site DXOMARK, a melhor câmera de smartphone no mercado atualmente pertence à linha da HTC

Nós levamos nossos celulares para todos os cantos, e como companheiros do nosso dia a dia, acabamos usando o aparelho para registrar nossas memórias, sejam elas em vídeo ou foto.

Uma pesquisa da Samsung realizada em 2015 demonstrou que a qualidade da câmera é a segunda característica mais considerada pelo consumidor ao comprar um smartphone topo de linha (25%), a primeira sendo o fabricante. Talvez por isso fiquemos espantados ao descobrirmos como o novo modelo da HTC, o U11, foi lançado neste ano sem receber a devida atenção dos fotógrafos amadores quanto à potência de sua câmera.

Com resolução de 4038 x 3036 pixels, diafragma de 1.7, sensor de 1/2.3”, estabilização, autofoco e câmera frontal de 16 MP, o desempenho do aparelho para fazer filmagens e tirar fotos ganhou a nota 90 (de um total de 100) no DXOMARK, site referência por seus testes de qualidade de imagem e câmera de diversos dispositivos.

O que fez a diferença

Segundo o site, o tamanho do sensor no HTC U11 levou o aparelho a outro patamar. Por conta dele a performance de autofoco foi uma das melhores já vistas pelos especialistas, tanto em ambientes com pouca e muito luz. A estabilização ótica captura multi-imagens, o que acaba preservando detalhes e diminuindo ruídos.

Fotos ao ar livre

O HDR automático ajuda a dar cores mais vibrantes às imagens. Dá uma impressão mais real sem precisar do incremento de cores vivas que vemos no S7 e S8 da Samsung, o que pode desagradar alguns que estão acostumados com fotos mais coloridas. Porém, a aparência mais apagada (se comparada às câmeras do aparelhos citados anteriormente) pode ser resolvida com ajuste de exposição de luz.

Fotos com flash

Seguindo Google Pixel, Samsung S7, S8, e iPhone 7, o recurso expõe o ambiente ou objetivo à boa luz e preserva detalhes com baixo ruído na imagem, o que pode ser alcançado com a sincronização entre flash, obturador

vÍDEOS

Sua resolução de gravação é de 4k (2160p). Esta característica junto à estabilização ótima faz com que os vídeos sejam reproduzidos com pouco ou nenhum ruído na imagem, mesmo quando o usuário filma estando em movimento. Apesar disso, há uma perda de detalhes e cor quando a gravação é feita sob pouca luz.

Levando os testes feitos em consideração, os especialistas da DXOMARK consideram a câmera do HTC U11 a melhor do mercado na atualidade. E você, o que acha?